Pacientes com miopia enxergam com dificuldade para longe. Geralmente, o olho possuí um comprimento maior que o normal, fazendo com que a imagem foque anteriormente à retina, e não sobre ela. Isso faz com que objetos a distância fiquem borrados.

Em geral o problema aumenta durante o período de crescimento. O principal fator de risco é a hereditariedade, embora alguns estudos apontem a influência do hábito da leitura como outro fator.

A correção pode ser feita com óculos ou com lentes de contato. A cirurgia refrativa é uma opção segura para uma grande parcela de pacientes. Pacientes acima de 18 anos e com grau estável geralmente são candidatos. Em geral, míopes de até 8 graus apresentam os melhores resultados.

Pacientes míopes, especialmente com grau maiores que 4, devem realizar mapeamento de retina e retinografia anualmente, visto que a retina é mais frágil nesses casos, e apresentam o risco de descolar subitamente.

Visão borrada para longe

Olho com miopia: o foco forma-se antes da retina

Dr. Rodrigo Espíndola
Oftalmologia


Membro do Conselho Brasileiro de Oftalmologia (CBO). Membro da Sociedade Brasileira de Catarata e Cirurgia Refrativa (BRASCRS).



Agende sua consulta
Compartilhe com um amigo(a)










Enviar
Compartilhe com um amigo(a)










Enviar
Compartilhe com um amigo(a)










Enviar